Multiplexer Stacked

Multiplexador eletroquímico ECM8™

O Multiplexador eletroquímico ECM8 é um modo barato de expandir a produtividade do seu laboratório. Os experimentos podem ser multiplexados sequencialmente em até 8 canais. O ECM8 é ideal para teste de inibidor de corrosão, avaliação de impacto ambiental de tintas/revestimentos, monitoramento de sondas de campo para testes de corrosão e desenvolvimento de sensores químicos.

Detalhes do produto

Visão geral

O multiplexador eletroquímico ECM8™ associa-se ao potenciostato Gamry para converter um único potenciostato em um instrumento poderoso, adequado para operações sequenciais multicanais. Ele permite que você faça medições sequencialmente em até 8 células eletroquímicas. O ECM8 é excelente para experimentos de automação repetitivos, e para aumentar a produtividade em experimentos em longo prazo em que os dados podem ser extraídos periodicamente. Cada um dos oito canais do multiplexador também incorpora um potenciostato "local" para polarizar a amostra quando não estiver participando do experimento eletroquímico. O ECM8 não pode ser utilizado para experimentos multicanais simultâneos por múltiplas células. Para experimentos multicanais simultâneos consulte o sistema de eletroquímica MultEchem.

Aplicações

  • Teste de inibidor de corrosão
  • Avaliação de pintura/revestimento
  • Corrosão galvânica
  • Monitoramento de corrosão
  • Desenvolvimento de sensor químico

Recursos padrão

  • Com 8 canais, para medições sequenciais.
  • Experimentos em CC e CA.
  • Inclui experimentos multiplexados padrão da indústria.
  • 8 potenciostatos locais – canais inativos podem ser configurados para abertos, curtos ou polarizados.
  • Garantia – coberto por garantia com serviço de fábrica por 2 anos.

 

"

Especificações

  Características de canal  
Modos Ativo, aberto, em curto, local  
Tempo para troca de canal <4 mseg Excluindo o tempo de comunicação
Corrente da célula 1 A máx. Alterado 
Tensão de entrada (em operação) ±12 V vs. Chassi (exceto contraeletrodo)
Tensão de entrada (nenhum dano) ±24 V vs. Chassi
Tensão do contraeletrodo ±120 V vs. Chassi
     
  Isolamento de canal  
Fuga de corrente <2 nA máx. Para qualquer eletrodo no canal ativo a partir de qualquer fonte
Impedância >500 MΩ
<20 pF
Para aterramento do ECM8
     
  Entrada de potência  
Intervalos de tensão de entrada 100, 120, 220, 240 V rms  
Variação de tensão permitida ±10% Em cada intervalo
Potência <50 VA  
     
  Potenciostato local (somente ECM8)  
Compliância - corrente ±20 mA carga de 500 Ω
Compliância - tensão ±11 V carga de 1 kΩ
Intervalo E aplicado ±5,12 V Eletrodo de trabalho versus de referência
Resolução 2,5 mV/bit  
Erro de desvio zero <4 mV típico
<10 mV máx.
Saída de 0 V
carga de 10 kΩ
Erro de ganho <0,2% carga de 10 kΩ
Corrente de entrada de referência <50 pA  
NOTA: Erro de tensão aplicada    
     
  Comunicações RS-232  
Taxas de transmissão 300, 600, 1.200, 2.400, 4.800,
9.600, 19.200
Definida via interruptores DIL internos
Padrão 9.600 Configuração de fábrica
Estabelecimento de ligação Hardware via RTS e CTS  
     
  Características ambientais  
Temperatura de operação 0 a 45 °C  
Umidade 0 a 90%  Sem condensação

"

Imagens do produto

Downloads